top of page
Buscar
  • Foto do escritorda redação

Nem calor, nem frio demais: dicas para acertar nos cuidados das plantas durante o outono

Descubra o que é imprescindível para manter a saúde das espécies nos dias com clima ameno


Depois dos dias ensolarados do verão, é a vez de abrirmos as portas para o outono. A estação que faz com que as pessoas comecem a tirar os casacos do armário também é um período em que as plantas pedem atenção redobrada para continuarem saudáveis. Pensando nisso, reunimos diversas dicas para ajudar no cultivo das espécies durante o outono.


Tons mais terrosos, como da coleção Antúrio dão a sensação de aconchego ideal para o outono


Primeiramente, é importante ressaltar que as plantas entram em um período de dormência: fase em que elas passam por um momento de renovação e as folhas caem! Mas isso não significa falta de cuidados. Enquanto as espécies se resguardam para fabricar energia, a adubação faz-se necessária, por exemplo. Neste período, elas precisam de bastante nutrientes para que na primavera e no verão venham as flores e frutos.


Foto: Divulgação Vasart

Adubação

O processo precisa ser constante o ano todo, mas nessa época dar continuidade à adubação é crucial. No outono, recomendamos realizar o procedimento com produtos orgânicos a cada 15 ou 30 dias, contribuindo para uma terra fértil, capaz de fornecer os nutrientes necessários às plantas. Para isso, recomendamos a utilização do Bokashi (um dos mais completos e eficientes adubos).


Podas de limpeza

Saem de cena as podas comuns, que não são necessárias no outono porque a planta não terá tanta energia para gastar (crescimento, surgimento de brotos etc.) e entram as de limpeza. Para realizar uma higienização, basta retirar as folhas, os galhos secos e checar se há a presença de pragas e fungos.



Proteção redobrada

No outono, com a chegada do clima frio, as espécies ficam mais suscetíveis às pragas, que se aproveitam da dormência para atacar, penetrando e sugando a seiva das plantas. As mais comuns são as cochonilhas e os pulgões. O Ideal é fazer a remoção manualmente desses parasitas (as cochonilhas, normalmente, aparecem como pontinhos brancos nas folhagens e no caule), usando um pincel ou uma escova de dentes velha. Na sequência, convém aplicar um antipragas ou antifúngico e afastar a planta infestada das saudáveis a fim de evitar a contaminação entre elas.

Cuidado com o excesso de água

Como as temperaturas no outono são mais amenas, a perda de líquidos das espécies é menor. Portanto, não é preciso uma irrigação tão intensa: Passar de duas vezes por semana para apenas uma é perfeito. Dependendo da planta, o ideal é aguar a cada quatro dias, sempre observando a umidade da terra.


Regadores Foz, na cor Taupe, que combinam com a nova estação. Em azul e outros tons, o Regador Jasmim combina design e praticidade: ambos da Vasart | Foto: Divulgação Vasart

Exposição ao Sol

Caso a incidência de luz no local esteja muito baixa (já que o sol não é tão intenso como no verão e muda de posição), e a espécie pede esse cuidado, deve-se procurar um espaço onde o Sol se faça mais presente.


A coleção Oca, da Vasart, é uma opção para deixar a decoração sofisticada enquanto as plantas recebem a luz solar necessária durante o outono | Foto: Celina Germer


Troca de vasos


Dar uma “nova casa” à planta durante o outono pode até ajudá-la no futuro. O transplante de um vaso para o outro melhora o desenvolvimento geral. Isso significa uma planta muito mais bonita na primavera.

Estamos preparando um material especial com todo o passo a passo do processo de transplante de plantas e dicas incríveis. Acompanhe nosso instagram @vasart_oficial e saiba em primeira mão assim que sair!


Gostou desse assunto? então você vai adorar essas dicas sobre plantas para apartamento e como cuidar. Confira!

13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page